28 junho 2007

Ouça

faça-me um favor
não suba no sofá
os pés, tampouco os largue sobre a mesa de centro.

não grite. não responda-me alto
não pense que vá mudar a disposição da casa
sente na cadeira que lhe oferecer
não suje meus estofados

bata as cinzas e nao me amole com aquelas que caem pra fora do cinzeiro
levite pela cozinha, saiba respeitar as plantas sob o murinho
não coma meus doces
não seja azedo
chupe o dedo se encher o saco
mas não esqueça do lixo seco.

não me aborreça com possíveis dúvidas existenciais
saiba que já as carrego em demasia, em cada fio de cabelo
não espalhe seus pertences para que eu os conheça
me surpreenda ao primeiro olhar, na porta
largue o guarda-chuva e peça um café

não reclame. por certo, é amargo.

2 comentários:

alice disse...

pois eu bem que queria mais açúcar na minha vida agora...
beijoca!

Daniela disse...

euq uero fazer tudo isso...


hehehehe ;}